Luiz M. Calegari

Cada Click é um Mundo

Get Adobe Flash player

APRENDIZAGEM 9 - A CARTOGRAFIA TEMÁTICA6º Ano

 

Examinando um Atlas Geográfico vamos procurar por mapas que representem um ou mais fenômenos. Comparando os mapas encontrados, nos quais são representados vários fenômenos ao mesmo tempo ou mapas que representam apenas um ou dois fenômenos (indústrias, número de analfabetos poderemos fazer uma lista indicando o que vamos encontrar como: mapas físicos que mostram vários fenômenos, ex: mapas físicos que representam o relevo, a hidrografia, florestas, clima, etc. Mapas físicos que mostram apenas os biomas, ou ainda biomas e hidrografia. Encontraremos ainda mapas políticos que mostram vários fenômenos como: Industrialização de determinadas regiões, o fenômeno da urbanização de determinado período, construções de estradas, comércio, entre outros, ou apenas um ou dois fenômenos como o desmatamento e o avanço das fronteiras agrícolas.

 

Temos também os mapas que pretendem representar tudo o que existe na superfícieterrestre, (o que não é possível) são os mapas de base. Pode haver a pretensão de mostrar tudo, mas a partir de um determinado número de fenômenos que são representados fica praticamente impossível fazer uma leitura adequada do mapa.

 

E os mapas que pretendem representar apenas um ou dois fenômenos são chamados de mapas temáticos, porque cada um dos fenômenos representado é um tema, daí o nome de mapas temáticos.

 

Existem ainda, os mapas que representem um fenômeno de movimento, como,o comércio de mercadorias entre regiões ou o fluxo de imigrantes. Este é um tipo de mapa temático de representação dinâmica. Exemplos desses tipos de máquinas são: onde se produz petróleo e onde ele vai ser processado e consumido, e ainda a quantidade. Veja que nesse processo o petróleo sai de onde é extraído até as refinarias e não para aí pois o óleo diesel e a gasolina continuam, bem como outros produtos que são extraídos.

 

Exemplos de mapas que representem fenômenos estáticos, como um local onde sesitua uma área de exploração de petróleo ou então uma cidade. Em geral, representam-se os locais de produção com símbolos que remetem a fábricas, usinas, centros de extração etc. A legenda nesse caso indica e traduz a simbologia. Ex: áreas industriais onde se situam refinarias de petróleo, uma metrópole, uma agroindústria, etc.

 

Pesquisando em um em um atlas geográficoescolar, procuramos por dois mapas temáticos que representem aspectos da natureza brasileira. Por exemplo:o clima, a rede de rios, as florestas etc.; Dois exemplos de mapas temáticos que representem o ambiente construído, como plantações,cidades, estradas etc.

 

Nos mapas selecionados aparece a indicação da escala cartográfica que poderá ser do tipo numérica ou gráfica. Existem mapas que trazem as duas representações de escalas.

Observando as escalas encontradas, os mapas escolhidos foram muito reduzidos em relação àrealidade pois representam o mundo, um continente, um país, um estado etc. Para que tudo isso seja mostrado a redução sempre será muito grande para que fique concentrado em uma folha do Atlas Geográfico.

 

Os fenômenos representados nem sempre ficam bem visíveis, vai depender muito da escala do mapa e da qualidade do mesmo.

 

Os aspectos do meio natural para serem mostrados serão utilizados alguns elementos (linguagem) como: cores, símbolos, entre outros que devem ser muito bem observados antes de olhar a legenda.

 

Os fenômenos dos ambientes construídos pelos seres humanos nos mapas selecionados também serão representados por cores, símbolos, entre outros, e a legenda será de muita importância para a leitura do mapa.

 

No mapa da página 68do caderno do aluno retrata a situação dos países em relação ao poderio nuclear militar e aos tratados e convenções internacionais que visam impedir a proliferação de armas de destruição massiva. Nota-se que apenas alguns países possuem armamentos nucleares. Isso é possível porque a legenda nos dá essa informação.

 

Os mapas temáticos qualitativos são aqueles que representam diversidade de ocorrências(fenômenos diferentes, diferenças dentro de um mesmo fenômeno, por exemplo). Esse é um exemplo de mapa qualitativo pois representa ocorrências de fenômenos diversos: 1. Posições diferentes de alguns países em relação às armas nucleares de destruição massiva; 2. Localidades não signatárias de tratados e convenções internacionais contra a proliferação de armas de destruição massiva.

 

Vários tipos de símbolos são utilizados em mapas. O mapa da página 69 do caderno do aluno, é um mapa-múndi sobre o qual foram aplicados círculos de diversos tamanhos. Nota-se uma maior concentração desses círculos em certas áreas, enquanto em outras há maior dispersão, por exemplo, na América do Sul. Fica muito evidente onde se compram mais armas: os círculos maiores representam compradores mais significativos de armas. A relação é direta.

 

Os mapas temáticos quantitativos são aqueles que localizam as ocorrências e mostram asquantidades de um fenômeno. Sem dúvida, esse é um mapa quantitativo, visto que mostra, por intermédio dos círculos proporcionais (que podem ser quantificados exatamente recorrendo ao ábaco – legenda de mapa quantitativo), as quantidades de armas que estão sendo compradas e por quais países estão sendo adquiridas.

 

FONTES:

Caderno do Aluno Volume 1

Caderno do Professor Volume 1

Login